segunda-feira, julho 17, 2006

Estarei ausente por tempo indeterminado.

Au revoir!

quinta-feira, julho 06, 2006

Irritando Alexandra Oliveira

Putz! Alguém aí já fez cancelamento de linha da Telemar? É humanamente impossível!
Depois de um milhão de transferências, esperas... pananam, veio um baiano sem-vergonha e me tirou do sério, literalmente. Eu só queria cancelar a linha , e ele não deixava de forma alguma.

Parecia que eu estava falando grego. Um horror! Não consegui efetuar o cancelamento, pode?

Um colega teve que intervir e também não conseguiu.

Aliás, o que está havendo com essa Telemar? Eles me cobraram o valor errado do Velox lá de casa desde dezembro do ano passado. Eu ligava pedindo para ser ressarcida e nada. Até que alguém me disse para fazer uma denúncia na Anatel. Aí foi rapidinho, em três dias me ligaram dizendo que o valor seria creditado na próxima fatura.

O problema desse cancelamento é que o raio do baiano não forneceu o número do protocolo e para fazer a denúncia na Anatel é necessário. Putaquepariuminhasograpelada, ninguém merece!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Que país é esse?

Olha só o que o Kiko http://mimeografo.blogspot.com/ escreveu, gostei tanto que tive que trazer para primeira página.
Esqueci de falar....o título do blog ficou ótimo!Um cantinho do nosso corpo tão pouco explorado, mas que tem o encaixe perfeito da boca (pra mim, um dos melhores carinhos que existe. Concorrendo igualmente com o beijo no olho e mordiscadas no joelho.)Se dor-de-cotovelo é causada pela falta de algo desejado, a dor deveria ser no lado côncavo.Será que viajei no mote do título? Será que divaguei na sensibilidade?Ou será que é porque é a parte do nosso corpo que se fecha quando digitamos nossas palavras abertas? Liga não... tô meio Zeca Baleiro atualmente: "qualquer beijo de novela me faz chorar".
Esse negócio de beijo no olho me lembrou a Xuxa, com o beijo borboleta (Põe um olho pertinho do outro e sai piscando), ai meu Deus, geração Xou da Xuxa é foda, até queria ser Pakita...Pode?
Eu gosto do côncavo dos cotovelos porque acho que ele é serelepe, cheio de movimentos, não é como a nuca, que está sempre ali, plácida e inexpressiva, como alguém que repousa.

Sensações

Comento hoje sobre algumas sensações... Não sei mais o que escrever... Deu branco.

Ah! Lembrei. Sempre que estou caminhando, lendo, vendo TV, indo dormir, sempre, sempre, quase o tempo todo, vem algum tema pro blog na minha cabeça. Acontece que eu nunca me lembro de anotar, sempre confiando na minha memória, e aí já viu né, o insight evapora-se...

Entretanto, me lembrei agora de algo que eu queria escrever aqui. Não sei se vou conseguir me fazer entender, mas tentarei.
***************************************************************************

É o seguinte, outro dia indo dormir, meus pés estavam gélidos, e a sensação não é nada agradável, parece que estão úmidos, apesar das meias e dos edredons e, mesmo vendo TV, não conseguia desviar muito minha atenção dos pés, desejando que aquecessem rapidamente. Aí é que veio a sensação: Após algum tempo, o instante exato da passagem de frio para quente, ou melhor, a transição em si, pareceu-me que os meus pés estavam formigando, meio dormentes, não sei se talvez pixelizados, onde alguns micro pedacinhos estavam gelados e outros aquecidos, sensação ótima de experimentar. Enquanto os pedacinhos quentes contaminam os pedacinhos gelados acontece uma agradável sensação de bem estar até os pés ficarem completamente quentes e eu conseguir dormir... E sonhar.

Outra sensação que eventualmente me ocorre quando vou pra cama (dormir), é aquela que, estando eu em estado adormecido, ou não sei se é quando estou entre o adormecido e o acordado, por aí, acontece algo que me deixa amedrontada ou em situação de perigo. Monstros, perseguições, assaltos, essas coisas, então preciso gritar, e não consigo, sempre alguma coisa, ou alguém, impede que eu peça ajuda, grite, saia correndo... consigo sentir que estou em casa, que alguém pode me ajudar... Logo em seguida, acordo e percebo que era só um pesadelo, mas pesadelos e/ou sonhos não acontecem no sono REM (Rapid Eyes Moviments) que é depois que dormimos um tempão? E acabei de dormir e tenho a sensação de estar acordada...

Existe outra sensação que é “batata”. Aquela em que acredito estar sendo observada. Consigo sentir direitinho quando alguém está me olhando, sinto o peso do olhar do observador. É incrível isso!

sexta-feira, junho 30, 2006

Foto: Alexandra Oliveira para Viveza


quinta-feira, junho 22, 2006

Piadinha

O Zico liga para o Parreira:
“Vocês já estão classificados, eu preciso muito desse resultado, sou brasileiro também. Você não quer me ajudar?”.
Parreira: “Bom... Tá, pode ser. Vou te ajudar e escalar o time reserva”. “NÃO, Parreira, não! Os titulares! Escala os titulares!!”.

Hehehe

Momento enriquecedor!

Sabe como é que faz para fazer xixi rosa?

Eu sei.

É assim:

Você cozinha uma beterraba, espera esfriar.

Em seguida corte-a como achar melhor, disponha-a na sua saladeia, ou já no prato se preferir.

Caso queira, tempere com vinagre balsâmico, sal, pimenta preta, limão e azeite. Eu prefiro sem nada, fica doce.

Coma-a inteira.

Aguarde mais ou menos vinte e quatro horas. Vá ao banheiro fazer xixi.

Surpresa! Xixi rosa!

Bom! A louça do seu trono deve ser branca senão você não conseguirá observar tal fenômeno.

Intereressantíssimo este post, não!?...

Copa do Mundo

Foto: Alexandra Oliveira para Falls Shopping/Revista Ápice - Edição Junho de 2006
Ih! Estou numa fase tão reclamona. Pra começar achei esse blogger meio chato (O lance do html). E depois tem esse raio de Copa do Mundo no mundo. Não sei quando foi que comecei a achar tudo chato, a adultice faz isso com a gente? Cruzes! Ah! Vem cá, ao pé do ouvido, existe coisa mais chata do que esse exagero todo por causa de uns joguinhos de futebol? Quanta energia dispensada para nada. Sei não, mas talvez seja pelo fato de tudo quanto é meio de informação começar a falar desse assunto meses antes e quando chega realmente o dia já estamos exaustos de tanto ouvir falar nele. E ainda tem o pior, fica todo mundo envaidecido porque o Brasil é o melhor, nosso país é o máximo, mas eu estou é com vergonha, morro de vergonha desse país, cheio de cordeirinhos, e o Lula lá chapando todas no aviãozão dele. E nós aqui no meio do lixo achando tudo lindo, preocupadíssimos com a gordura do Ronaldo. Coitado! Paupérrimo! Preocupadíssimo! Eu se fosse ele dava uma banana pra todo mundo e ia pra lua.

Já está todo mundo em polvorosa, os carros cheios de verde - amarelo, as cornetas berrando, a camisa amarela e mais um monte de adereços. O Xande (meu namorido – junção de namorado com marido) já foi buscar o barril de chope, o amigo já foi comprar a carne, ai, coisa popular né! Será que na França eles tomam champanhe? Uh! Tenho uma invejaaaa! Aliás, morro de inveja dos franceses, povo guerreiro, faz panelaço, grita nas ruas e consegue um monte de coisas. Nós só temos energia para a Copa do Mundo, é uma organização impecável para assistir aos jogos. Pergunto: Se esse ânimo todo fosse direcionado para gritar na porta do congresso, ou sei lá, fazermos uma greve geral, alguém se habilitaria? Respondo: NNNNNãããããooooo! Somos bundões! Inclusive eu!

O problema é que não tem jeito de ficar de fora, só se eu fosse pra lua de carona com o Ronaldo. Já estou paramentada, brinco de bandeirinha do Brasil, tênis do Brasil só não estou de camisa porque ela está suja desde o último jogo. E esse foi animado. A festa só acabou oito horas da noite. Tá vendo o que uns chopinhos não fazem? Toco corneta, apito e vou falar mal do juiz. Bom jogo pra todo mundo!

Aí o tênis!

This page is powered by Blogger. Isn't yours?